sábado, 4 de julho de 2015

Clube alviceleste faz promoção de ingressos para a torcida

O Paysandu se prepara para encarar uma série de três jogos contra o Bahia, um pelo Brasileirão e outros dois pela Copa do Brasil. Para a partida de ida, válida pela terceira fase da Copa do Brasil, a diretoria sacramentou os preços dos ingressos para a partida, no próximo dia 15, marcado para as 22h, no estádio Mangueirão. O valor inicial será R$ 30 (arquibancada) e R$60 (cadeira) e depois o valor será majorado para R$50 (arquibancada) e R$100 (cadeira). Os passaportes podem ser adquiridos no site oficial do Paysandu, na Sede Social, no estádio da Curuzu e no Parque Shopping.
ONDE / QUANTO
Dias 04 (sábado) 06 (segunda) e 07 (terça) de julho
Locais de venda: Curuzu, Sede Social, Parque Shopping e Site Oficial
Arquibancada: R$ 30,00
Cadeira: R$ 60,00
Dias 13 (segunda), 14 (terça) e 15 (quarta) de julho
Locais de venda: Curuzu, Sede Social, Site Oficial e Parque Shopping
Arquibancada: R$ 50,00
Cadeira: R$ 100,00
**Fonte JAmazonia

Botafogo bate o Sampaio corrêa sem dificuldades e retoma a liderança do Brasileiro da Série B

Principal candidato ao título, o Botafogo apresentou ao público a sua carta na manga. De apenas 17 anos, Luis Henrique fez sua estreia na equipe titular do técnico René Simões e deu conta do recado. Marcou dois gols e foi o principal nome na vitória do Fogão, por 5 a 0, diante do Sampaio Corrêa. A 10ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B ainda contou com o empate entre Paraná e Criciúma na noite de ontem.
A Série B tem um novo líder antes mesmo de terminar a rodada. O Botafogo recuperou o seu posto na primeira colocação, jogando o Paysandu novamente para a segunda colocação. O Sampaio Corrêa, por sua vez, se distanciou do G4, enquanto que Criciúma e Paraná seguem lutando contra a zona de rebaixamento.
Na última rodada, o Botafogo perdeu a invencibilidade diante do Macaé, mas a má fase acabou aí. O Fogão logo se reabilitou e mostrou que não vai perder a liderança tão facilmente. Com tamanha segurança, bateu o Sampaio Corrêa pelo placar de 5 a 0, em partida realizada no Engenhão. No jogo, a Bolívia Querida mostrou que ainda sente muita falta do artilheiro Robert, transferido ao Vitória.
Com o triunfo, muito por conta da categoria de Luis Henrique, o Botafogo voltou à liderança da Série B, com 23 pontos conquistados. Já o Sampaio Corrêa sofreu o seu terceiro tropeço seguido, mas ainda pode reverter a situação e se colocar novamente na briga pelo G4, pois é o oitavo com 15, porém, a tendência é que caia algumas posições na tabela de classificação.
A partida marcou também o encontro entre Pimentinha com o Botafogo. O atacante chegou a treinar pelo Fogão, mas as partes acabaram não chegando a um acordo e a negociação foi desfeita, fazendo com que voltasse ao Sampaio Corrêa, onde é ídolo.
No outro jogo do dia, Criciúma e Paraná fizeram um jogo sem graça e acabaram empatando por 0 a 0, em partida disputada no Durival de Britto, resultado que não agradou ambas as partes, porém, deixou o técnico Petkovic ainda invicto desde que assumiu o Tigre. A zona de rebaixamento segue por perto.
O Criciúma pode parar no descenso na rodada. O Tigre é o 14° colocado com 11 pontos, mas ainda pode ser ultrapassado na rodada por Oeste (10), Boa Esporte (9) e Santa Cruz (9). Já o Paraná ficou na 12ª posição com 12.
**Fonte JAmazonia

Diretoria pode anunciar meia

A qualquer momento, a diretoria do Paysandu vai confirmar a contratação de um meio-campista para cobrir o espaço vago deixado após a rescisão contratual de Rogerinho. Nos bastidores, comenta-se que os dirigentes já finalizaram a negociação com o novo jogador, embora o anúncio oficial esteja pendente.
Ainda não foi vazado sequer um nome. Sabe-se que é um atleta com características de organizar o jogo, optando por passes e lançamentos precisos. Por enquanto, o titular da posição é o apoiador Carlos Alberto. O reserva imediato é Carlinhos. O setor vem funcionando de forma positiva. Nos últimos dois jogos, ambos foram decisivos. Carlos Alberto conseguiu uma assistência, de letra, para Leandro Cearense assinar o primeiro gol da vitória contra o Atlético-GO. No jogo anterior, diante do Vitória-BA, Carlinhos protagonizou um gol no último minuto da partida.
O último a se pronunciar foi o treinador Dado Cavalcanti. “Vamos procurar este jogador com calma. Não adianta ter pressa e errar.”,
**Fonte JAmazonia

sexta-feira, 3 de julho de 2015

Paysandu se prepara para maratona contra o Bahia

Líder da Série B, o Paysandu agora terá o Bahia como próximo adversário. O Papão vai enfrentar o tricolor baiano em três oportunidades. Uma pela Série B e duas pela Copa do Brasil. 
Em uma situação parecida, o Paysandu também enfrentou o ABC-RN pelas duas competições e se deu bem. Venceu todas as partidas.
O primeiro confronto será pela Série B e acontecerá no dia 7 de julho, terça-feira, no Estádio Mangueirão, às 22h. Os jogos pela Copa do Brasil acontecerão nos dias 15, em Belém e dia 22, em Salvador (BA).
Pela Copa do Brasil, o regulamento desta fase, ao contrário das duas primeiras, não permite ao visitante eliminar o jogo de volta em casa de triunfo por dois gols de diferença.
O vencedor do duelo garante nos cofres, em premiação da CBF, cerca de R$ 690 ml reais. Em campo, porém, o adversário só serão conhecido através de sorteio, com a presença dos clubes que participaram da Copa Libertadores.
**Fonte Portal DOL

Gualberto e Fahel devem voltar ao time contra o bahia

Líder do Campeonato Brasileiro da Série B, com 22 pontos, o Paysandu se prepara para encarar o Bahia, pela décima primeira rodada do Campeonato Brasileiro, no estádio da Fonte Nova, em Salvador. A partida será realizada na próxima terça-feira, 07. O Papão se apega a, basicamente, dois fatores para pontuar e se manter na disputa pela primeira colocação, e consequentemente, pelo G-4, grupo dos times que se classificam para a Série A do Brasileirão em 2016.
O primeiro fator diz respeito a um aspecto técnico. Todos os titulares e reservas acionados recorrentemente estão à disposição da comissão técnica, liderada pelo treinador Dado Cavalcanti. É provável, portanto, que o zagueiro Gualberto e o volante Fahel voltem a compor o time titular, barrando Fernando Lombardi e Fernando Aguiar, respectivamente, que foram titulares e tiveram bom desempenho contra o Atlético-GO, quando o time bateu os visitantes por 2 a 0.
Outra situação favorável é o aproveitamento da equipe bicolor em jogos fora de casa, totalizando 58% de pontos conquistados. Até agora, foram duas vitórias (diante do ABC e Boa Esporte), um empate (contra o Náutico) e apenas uma derrota (frente ao Bragantino).
**Fonte JAmazonia

quinta-feira, 2 de julho de 2015

Jurídico do Paysandu se defende contra 'laser' na Série B

Pela segunda vez consecutiva, clube teve relato de utilização de feixe de luz apontado para o gramado registrado em súmula

Em campo, o Paysandu segue como a sensação da Série B do campeonato brasileiro, liderando a competição após vitórias sobre Vitória (BA) e sobre o Atlético Goianiense, no Mangueirão, em Belém. Na arquibancada, porém, problemas seguem acontecendo. Também pela segunda vez seguida, o clube foi delatado em súmula por uso de 'laser' por parte de integrantes de sua torcida durante o jogo.
Tentando se precaver de uma possível denúncia e, posteriormente, punição, o departamento jurídico do Papão já formatou a defesa para o jogo contra o Vitória (BA) e iniciou os trabalhos para compor também a defesa em relação à partida contra o Dragão goiano.
'Sobre o jogo com o Vitória, vimos todas as imagens e não detectamos laser em momento algum. Já para o jogo de ontem, assistimos o momento que o árbitro apontou e também não vimos nada. Estamos reunindo mais alguns documentos. Estamos preparados em caso de denúncia e julgamento', falou o diretor jurídico do Bicola, Alexandre Pires.
Pires também declarou acreditar em uma pré-disposição de times visitantes em apontar a utilização de laser por parte da torcida para prejudicar o time em campo. 'Neste jogo contra o Atlético, penso que o goleiro (Márcio), que foi quem denunciou o laser, fez isto para desconcentrar o Yago Pikachu, já que aquele era um momento que antecedia a cobrança do pênalti', deduziu.
Vale destacar que a presença de 'laser' nos estádios, apontando o feixe de luz contra jogadores, comissão técnica e/ou arbitragem, já rendeu punições a clubes, como multas e até perda de um mando de campo, como aconteceu com o Goiás (GO), no campeonato estadual de 2012.
**Fonte Portal ORMNews

Dirigente diz que novidades podem pintar no Papão

Em meio à partida do Paysandu contra o Atlético-GO, o diretor de futebol do Paysandu, Roger Aguilera, adiantou que o clube poderá receber reforços para a sequência da Série B do Campeonato Brasileiro até a próxima semana.
“Provavelmente até outra semana deve estar chegando mais dois jogadores. Precisamos qualificar o elenco para um torneio longo, como a Série B”, disse o dirigente, em entrevista ao portal DOL. “Em agosto, a Série B vai afunilar e precisamos reforçar o plantel do Paysandu para o restante da competição”. 
O último contratado da equipe bicolor, o atacante Wellington Junior, já está regularizado e poderá enfrentar o Bahia-BA, na próxima terça-feira (7), em Salvador (BA).
**Fonte Portal DOL

Empolgação demais: rival a ser batido

"A bola não entra por acaso”. A frase é do meia Carlinhos, do Paysandu, mas poderia ser credenciada a outros jogadores bicolores. Líder do Campeonato Brasileiro da Série B, com 22 pontos em uma campanha impressionante, resumida em sete vitórias em 10 jogos - aproveitamento de 73%, o Paysandu ostenta números absolutamente satisfatórios. 
E um deles, diz respeito ao primeiro critério de desempate na competição nacional. Embora a décima rodada ainda não tenha sido concluída, os bicolores despontam como a equipe que mais venceu durante todo o Brasileirão, totalizando sete triunfos. Só quem pode igualar o feito é o Botafogo-RJ, atual vice-líder, com 20 pontos e seis vitórias, e que vai pegar o Sampaio Corrêa.
O fato é que a fase do Papão é excelente e o fez chegar ao topo da Série B, fato que não era observado desde a temporada 2001, quando o clube se sagrou campeão da Segunda Divisão. Administrativamente, as notícias também têm um caráter positivo. Os salários de julho serão quitados antes do previsto.
Nesse cenário, há uma pergunta recorrente: quem poderia ser o inimigo para quebrar a sequência do Paysandu? A comissão técnica, liderada por Dado Cavalcanti, identificou que é preciso frear o aspecto empolgação. O caráter de competitividade da Série B traz uma necessidade de evitar com que a equipe esmoreça. Até porque o próximo desafio será encarar o tradicional Bahia, no estádio da Fonte Nova, fora de casa, na próxima terça-feira, 7 de julho. “Empolgação externa? Nós não podemos permitir. No vestiário, no treinamento, temos que fazer as intervenções necessárias. Não chegamos a lugar nenhum. O campeonato não acabou”, avisou o treinador Dado Cavalcanti. O discurso de Dado Cavalcanti deixou explícito o tom da reapresentação hoje, a partir das 16 horas na Curuzu. 
Depois do Bahia, a tabela da Série B aponta outro jogo de provável dificuldade, e em um curto espaço de tempo. O Papão continuará jogando longe dos seus domínios, dessa vez, para encarar o Macaé-RJ, que se estabelece como candidato ao acesso, estando entre os 10 primeiros do Nacional desde o início da competição. O jogo será no estádio Cláudio Moacyr, em Macaé, no Rio de Janeiro, na sexta-feira, dia 10. 
**Fonte JAmazonia

quarta-feira, 1 de julho de 2015

Veja os gols de Paysandu-PA 2X0 Atletico-GO


Ficha Técnica: Paysandu-PA 2X0 Atletico-GO


Paysandu-PA 2X0 Atlético-GO
Campeonato Brasileiro
Série B - 10ª Rodada

Local: Mangueirão
Renda: R$ 529.297,00
Publico: 32.097


Arbitro: Vinicius Furlan - SP
Auxiliares: Ricardo Pavanelli Lanutto - SP e Ivo Fernando da Costa de Sousa - AM
GolsLeandro Cearense e Yago Pikachu (Paysandu)
Cartão Amarelo: Marlon (Atlético Goianiense)

PAYSANDU
Emerson; Yago Pikachu, Fernando Lombardi, Thiago Martins e João Lucas; Ricardo Capanema, Fernando Aguiar (Augusto Recife), Jhonnatan e Carlos Alberto (Carlinhos); Aylon e Leandro Cearense (Souza). 
Técnico: Dado Cavalcanti

ATLETICO
Márcio; Eder Sciola, Marlon, Samuel e Sidcley (Thiago Primão); Anderson Pedra, Pedro Bambu, Anderson Leite (João Denoni) e Washington (Rodrigo Maranhão); Rafinha e Artur. Técnico: Jorginho